segunda-feira, março 02, 2009

What would you do?


Não há nada pior do que nos sentirmos injustiçadas, do que sabermos que não temos culpa, que não fizemos nada mas, ainda assim, não termos como o provar.
Grrr... que raiva! Apetece-nos gritar, bater o pé no chão, cerrar os dentes, pedir ajuda aos deuses, ao Poderoso lá de cima (seja Ele quem for), ter um gravador no bolso que prove a nossa inocência, voltar atrás no tempo e gravar tudo em DVD para mais tarde recordar. Infelizmente, não é possível.

Mas pior que tudo isso é encontrarmo-nos nessa situação por culpa duma amiga. Hoje, este foi o assunto delicado do dia:


"Tendo em conta que, se pusermos as cartas em cima da mesa, ela fica prejudicada, o que fazemos? O que fazer? E essa amiga merece uma segunda oportunidade? "Everybody deserves a second chance." Eu resolvi dar-lha. Eu escolhi deixar o assunto morrer, viver com a minha consciência tranquila e manter uma amiga."

What would you do?

8 comentários:

Piñacolada disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Piñacolada disse...

Estando eu na cadeira ao lado e participando na conversa mantenho a opinião...Apesar de acreditar que não tenha sido por mal mas sim fruto de uma insegurança enorme e vontade de agradar q caracterizam a "amiga" esta acabou por provocar uma grande embrulhada...Acho que a honestidade e sinceridade eram mais do que imperativas aqui. Afinal são amigas...!

Piñacolada disse...

Estando eu na cadeira ao lado e participando na conversa mantenho a opinião...Apesar de acreditar que não tenha sido por mal mas sim fruto de uma insegurança enorme e vontade de agradar q caracterizam a "amiga" esta acabou por provocar uma grande embrulhada...Acho que a honestidade e sinceridade eram mais do que imperativas aqui. Afinal são amigas...!

Piñacolada disse...

Estando eu na cadeira ao lado e participando na conversa mantenho a opinião...Apesar de acreditar que não tenha sido por mal mas sim fruto de uma insegurança enorme e vontade de agradar q caracterizam a "amiga" esta acabou por provocar uma grande embrulhada...Acho que a honestidade e sinceridade eram mais do que imperativas aqui. Afinal são amigas...!

margarita disse...

Bolas! Já percebemos,Piñacolada! Não digas mais vezes! :p

mariana disse...

Oh acho que ela fez bem.

Kem não se acreditou acreditasse mas n custa nada manter a amiga debaixo de olho nos primeiros tempos...tava a brincar ;)

Anónimo disse...

NUNCA faria isso. Se a "amiga" deixou outra amiga ficar mal eu faria lhe o mesmo.

sara disse...

Margarita,deixa-te de escrituras e vai mas é fazer a mala para barcelooooona :p

 
Creative Commons License
This work is licenced under a Creative Commons Licence.