quarta-feira, outubro 22, 2008

Conversas

(…) Pior é saber que tinhas algo mágico, simplesmente mágico, um sentimento com tanto de intenso como de inocente, uma coisa diferente, que sabes que, provavelmente, nunca mais terás. Foi “a” história, aquela que fica para contar, aquela que vale a pena partilhar, aquela que as pessoas se calariam para ouvir e aquela pela qual darias tudo para voltar a viver. Porque, no fim, até tu mesmo te questionas se seria possivel ter existido algo assim… simplesmente mágico.

13 comentários:

Evinha disse...

;) ..k liiindo! ..é possível! ..k eu sei.. :)

tomás disse...

bom texto, parabéns.

Lucky Scott disse...

Visto que está em itálico e entre aspas suponho que o texto não seja original....mas o mais engraçado é que não encontro referências a nenhum autor...

Será um enigma?

Hum...não me parece....

margarita disse...

Não se trata de nenhum enigma, são apenas palavras que sairam bem da boca de alguém.

mariana disse...

Até me arrepiei,excelente texto,bela foto.

Lucky Scott disse...

De alguém quem?

Gostava de saber.

margarita disse...

Foi apenas um desabafo, numa conversa, em relação a uma situação próxima.

sofia disse...

Como é que algo tao mágico acaba?Diz-me que ninguém morreu se não eu choro.

Foi das coisas mais bonitas que já li.

Brandão disse...

certamente as palavras n são tuas... mas é bom ver uma miguita revelar um talento q "eu já imagina existir".... só é pena q no outro blogue ela n participe... ;)

Piñacolada disse...

;) Great Minds Think Alike...*

margarita disse...

Pronto, isto está a causar demasiada confusao: sim, as palavras sao minhas, foram ditas numa conversa e daí as aspas.

Evinha disse...

:) ..tinham tudo para ser tuas:) ..

Anónimo disse...

Muito bom texto.

 
Creative Commons License
This work is licenced under a Creative Commons Licence.