sexta-feira, fevereiro 27, 2009

Be the man!


Ouvi o seguinte comentário, numa "ocasião aqui há atrasado" (como eu gosto desta expressão):

Jovem Moderna e Apaixonada - "Sim é verdade. Já namoramos há 6 anos mas já acabamos umas 20 vezes!"

Eu - "Então, porquê???"

J.M.A. - "Oh! O costume... é instável! Quer espaço, independência, diz que é novo, que até gosta de mim mas que não se quer prender."

Quantos de vocês já não ouviram dizer (ou disseram) o tão famoso, muito corriqueiro e promissor "cliché" do futuro: "Não me sinto bem nesta relação... O problema não és tu, sou eu! Sinto-me sufocado... Ainda acho que tenho muito que viver... Sou muito novo!" (clássico: matulão, quase nos 30, a mãe ainda lhe faz a cama, põe-lhe as gotinhas no nariz, trata-o por "meu pequenino", faz-lhe as comidinhas todas que ele gosta, lava as cuequinhas enormes do "pequenino", só não muda a fraldinha porque ele já se habituou aos boxers!).

A conversa foi à volta da "sensibilidade e complicação extrema das mulheres" - by Henrique e "facilidade de cortar uma ligação, melhor poder de recuperação e falta de profundidade por parte dos meninos" (não digo homens porque a maioria ainda não se enquadra) - by Piñacolada.
A verdade é que quase todos vocês já devem ter percebido que uma mulher sucumbe muito mais facilmente ao fim de um relacionamento. Chora 3, 6, 9 meses, acredita piamente que apesar de ele ter sido uma besta total "era o homem da minha vida!", demora mais a recuperar, a gostar de novo de alguém e, principalmente, a confiar novamente... Enfim, o drama! Maaaasss... agradece a sinceridade e não o cliché!
E eles? Eles, segundo o meu especialista Henrique, que passo a citar:

Henrique - "Pá, um gajo ainda aí os primeiros 2, 3 dias pior que estragado! Virado mesmo da cabeça! Depois faz uma TAINADA (expressão adorável!) DE TRANSIÇÃO (what?!) com os amigos! Bebedeiras máximas, depois mais meia dúzia delas! Entretanto, conhece uma miúda gira, beijinho, beijinho e depois... vai para o sul do País e apaixona-se outra vez! Mas vocês? Vocês, mulheres, não! Choram montes, perguntam porquê 50 vezes, quando já se explicou tudo, querem razões, conversas sérias, até querem um último beijo! São complicadíssimas!!!"

Custa-me muito admitir, meu amigo... tens razão. Mas nós recuperamos! Portanto, minhas meninas, para a próxima já sabem: saiam com as amigas, façam uma "Tainada de Transição Feminina" (se é que isto existe), dancem, divirtam-se, arrebitem! Ou seja... "Next time, be the man!".

9 comentários:

margarita disse...

Oh minha Piñacolada, está demais! Reproduzido à letra, ainda parece que consigo ouvir o Henrique a dizer essas mega-expressões dele! lol A verdadeira comédia!
Mas já sabes a minha opinião: a ele não lhe custou porque não era apaixonado... se não viamos Henrique a dormir nas valetas de VDC com Jaiminho Maró a fazer-lhe cafonés nos cabelos dourados! ;)

Piñacolada disse...

e o jaiminho maró estaria nu...com uma faca no bolso!

Portaria ILEGAL disse...

Querida Margarida tive que alterar o texto do meu anterior post, espero que esteja do teu agrado
beijos da Alexix

margarita disse...

Não era preciso alterá-lo mas é um assunto que mexe um bocadinho comigo, já que passo por lá vezes sem conta.
Obrigada na mesma, e parabéns pelos posts! :)

Henrique disse...

lol como posso eu dizer.. Sou um rapaz sincero e honesto desculpem meninas :)

Anónimo disse...

Eu definitivamente preciso duma "tainada de transição". :)

neca disse...

lol

Piñacolada disse...

anónimo, deixa-nos aqui o teu contacto pk nos somos oficialmente organizadores(as) de tainadas de transição de elevada categoria e fazemos questão de te arranjar uma de graça ok?
Va lá jovem!
YES WE CAN!
:p
Beijinho anónimo

neca disse...

Lol you gotta love pinacolada! ;)

 
Creative Commons License
This work is licenced under a Creative Commons Licence.